Receitas do Chakall

No Sábado Aromático ficou combinado que publicaria as receitas que o grande chefe Chakall utilizou durante o evento aqui no blogue, pois aqui estão:

Creme de castanhas aromático
Ingredientes:
700g de castanhas sem casca
½ pés de aipo
400ml de natas (podem ser vegetais)
2 sementes de cardamomo
Manjericão para decorar

Cozer as castanhas em água e a parte de cima dos pés de aipo picados grosseiramente. Reservar uma dúzia de folhas, entre as mais tenras, para a decoração. Deixar ferver e acrescentar as sementes de cardamomo e um pouco de sal. Deixar cozer até as castanhas se esmagarem com facilidade. Passar as castanhas e o aipo pelo passevite ou triturar até obter uma consistência cremosa. Manter a sopa tapada em lume brando. Picar as folhas de aipo que estavam reservadas, juntar as natas à sopa e rectificar o tempero, juntando pimenta, se for necessário.
Erva aromática: Recomenda-se decorar com as folhas do aipo ou manjericão picado.

Chilli aromático
Ingredientes:
1 dente de alho
1 colher de malagueta moída
1 cebola
1 pimento verde
1 pimento vermelho
½ kg de carne de vaca picada ou soja desidratada
Cominhos moídos em abundância
Pimentão-doce
1 colher de concentrado de tomate
Feijão preto
2 tomates maduros

Refogar o alho, a cebola e os pimentos até ficarem tenros. Juntar a carne ou soja demolhada e deixá-la fritar. Quando estiver pronto, acrescentar o feijão preto cozido, o tomate, os cominhos e o pimentão-doce. Mexer tudo e deixar apurar durante vinte minutos em lume brando.
Erva aromática: recomenda-se polvinhar o Chili com coentros frescos picados

Tarte de abóbora e requeijão aromática

Massa:
50g Bolacha maria
25g Manteiga (pode ser vegetal)

Recheio:
1 colher de sopa de mel
100g abóbora
1 colher de sopa de manteiga
Requeijão q. b.

Para a base esmagar a bolacha com a manteiga até criar uma massa homogénea. Numa forma colocar a massa. Caramelizar a abóbora cortada em fatias finas, derretendo a manteiga, colocando a abóbora e por fim o mel. Colocá-la sobre a massa e levar ao forno 20 minutos a 180º C. Retirar do forno, colocar requeijão sobre a tarte e desenformar. Pode-se regar com um fio de mel.
Erva-aromática: recomenda-se salva para aromatizar a tarte.

Estava tudo uma delícia!!!

Share this:

CONVERSATION

2 comentários:

Sandra Teixeira disse...

Estava tudo uma delícia! A comida, o acolhimento e a simpatia de todos.

bravosdomindelo disse...

concordo. foram momentos bem passados. o luis estava imparavel, como de costume :)